Início

O Aluno

Alan Marcel Couto Nagatomo é aluno de Design Gráfico e autor do Projeto de Conclusão de Curso chamado "Bolhas"(2012).

Nascido em 2 de março de 1988, nasceu e cresceu em Bauru. Em 2005 concluiu seus estudos no CTI – Colégio Técnico Industrial Prof. Isaac Portal Roldán e em 2007 retorna à Unesp sendo aceito no curso de Desenho Industrial.

E no ano de 2012 apresenta seu projeto "Bolhas", projeto de conclusão de curso, lúdico, ontológico, cheio de metáforas, complexidades e subjetividade.

O Projeto

Objetivo e Justificativa

Entender e expor o Design de Relação como processo virtualizador e povoador dos espaços interiores, normalmente ignorados pelo ser humano, é o objetivo deste trabalho. E justifica-se pela busca incessante de quem vos escreve por compreender, entender, ler a si mesmo. O 'nihil' em pessoa.

Para isso propus que este trabalho fosse dividido em 4 partes, sendo 3 delas visíveis:

Pesquisa, Monografia, Vídeo 'Paradise' ("Paraíso" em português) e o Vídeo relatório.

A Pesquisa

O processo de pesquisa foi desenvolvida por quase 2 anos cujo objetivo foi estimular a leitura sobre áreas do Design como mobilidade, semiótica, cibercultura e filosofia do Design com o intuito de encontrar algum assunto que produzisse sentido e curiosidade. Por quase 2 anos estudei diversos assuntos intrigantes (curiosos) mas que não me preenchiam, ainda não havia sentido estuda-los, até que me deparei com a teoria das bolhas e algum sentido se constituiu em mim, o qual se reforçou com a minha vivência no Interdesigners e nas orientações.

A Monografia

A monografia é a tradução e compilação de todo o conteúdo estudado nesse período, por meses lendo, fazendo mapas e desenvolvendo raciocínios que partiam da teoria das bolhas e viajavam por possibilidades diversas, entre elas até o conceito de espiritualização. Está dividida em 6 partes, sendo a introdução, 4 capítulos e as considerações finais. Onde citações e traduções sobre a teoria das bolhas, mobilidade, virtualização e atualização foram elaboradas, e esta parte se junta à anterior em sua expressão.

O Paraíso

O Vídeo 'Paradise' foi a ferramenta criada para expressar a ludicidade das bolhas de sabão, sua característica lúdica, suas complexidades, e mostrar a quem assisti-lo possibilidades diferentes, brincadeiras. Para quem entrou em contato com o conteúdo da monografia uma brincadeira lúdica ontológica que nos faz refletir sobre nossa constituição íntima: nossas bolhas e espumas. E também relembrar de uma época, que não trazemos lembrança, mas que nos movimenta a todo instante, vivemo-la a todo instante embora esta se encontre ao mesmo tempo esquecida num deserto vazio. Por fim, mostrar também o movimento libertador e virtualizador dos seres humanos infantilizados: o estourar das bolhas.

O Relatório

Passar a diante é o intento do Vídeo relatório. Havendo a necessidade de um relatório, algo referente ao projeto que explicasse as etapas do projeto. Elaborei um vídeo que ensina como fazer bolhas gigantes, seus truques, macetes e possibilidades, pois brincar com a ludicidade e complexidade das bolhas nos faz lembrar uma época de nossas vidas que é vivida a todo instante porém esquecida num deserto.

Agradecimentos:

Agradeço primeiramente à causa de tudo, independente do nome que se dê.

À Unesp por ter me recebido, aos meus pais por terem me bancado e promovido a base do meu existir e aos meus amigos pelo apoio, minhas muletas emocionais.

Agradeço especialmente ao meu orientador Dorival Rossi pela sua loucura lúcida inspiradora e pela liberdade e confiança em mim. À Peter Sloterdijk, Pierre Lévy, Adolfo Rocca, Friederich Nietzsche, Lúcia Santaella, Giselle Beiguelman, André Lemos, que mesmo sem saberem ou imaginarem tiveram profunda importância, não somente pela bibliografia, mas pelos raciocínios desenvolvidos em seus livros.

Agradeço também à Sarah Brust Heringer, Fernando Reis Poletti, Daniel Retz, Produtora F1.4, Claudemilson Santos e Camila Gondo pelas fotos, vídeos e estímulos no Interdesigners, evento que foi importantíssimo para minha auto estima e busca pelo desenvolvimento do projeto. Aos amigos Lucas Bussato, Rogério Carvalho e Thales Rios com igual importância e se permitirem brincar. E ao Interdesigners e a organização por me estimular a pensar Design e uma forma diferente.

E finalmente à mim, personagem principal deste projeto.

A Pesquisa

Monografia: Mobilidade e Design de Relações: Uma viagem sobre a teoria das Bolhas.

A pesquisa se corporificou em monografia onde os estudos foram traduzidos em uma linha de raciocínio que faz uma análise da proposta de Peter Sloterdijk sobre a teoria das bolhas e termina com o pensamento de Pierre Lévy sobre a virtualização, atualização e acontecimentos, utilizando os estudos da Lúcia Santaella, da Giselle Beiguelman e de André Lemos sobre mobilidade, com alguma pincelada de alguns outros autores.

Entender e expor o Design de Relação como processo virtualizador e povoador dos espaços interiores, normalmente ignorados pelo ser humano, é o objetivo deste trabalho. E justifica-se pela busca incessante de quem vos escreve por compreender, entender, ler a si mesmo. O 'nihil' em pessoa.

Download da Monografia
Mobilidade e Design de Relações: Uma viagem sobre a teoria das Bolhas. (Normatizado ABNT)
Mobilidade e Design de Relações: Uma viagem sobre a teoria das Bolhas. (Ilustrado Parciamente Normatizado ABNT)

Links do Projeto:

Mágico, O Teatro; "Os insetos Interiores". http://letras.mus.br/o-teatro-magico/1587904/
Nietzsche, Friederich; "Assim falou Zaratustra" (ebook) http://www.ebooksbrasil.org/adobeebook/zara.pdf
Rocca, Adolfo Vásquez; "Peter Sloterdijk: Microesferas íntimas y úteros fantásticos para massas infantilizadas" (PDF) - http://www.ucm.es/info/nomadas/15/avrocca_microesferas.pdf
Rocca, Adolfo Vásquez; "Peter Sloterdijk: Espumas, mundo poliesférico e ciência aplicada de estufas." - http://www.ucm.es/info/nomadas/18/avrocca.pdf
Klaxons, The. "Twin Flames", http://vimeo.com/17077059 - acessado 26/10/12 às 19h33.
Universidade de Artes e Design de Karlsruhe: http://en.wikipedia.org/wiki/University_of_Art_and_Design_Karlsruhe
Bolhas de sabão Gigantes: http://abracadabra.spaceblog.com.br/1227255/BOLHAS-DE-SABAO-GIGANTES-vamos-fazer/
Honda Fit – Comercial TV: http://www.youtube.com/watch?v=N2BAH3-RDzM
Photron High Speed Cameras: http://www.photron.com/
Flying in Slow Motion - Canon T2i 1000 fps: http://www.youtube.com/watch?v=-u_etvz1Zz8
Canon 550D / T2i - Extreme Slow Motion using Twixtor (720p): http://www.youtube.com/watch?v=3d2eEhgDCaU

As Bolhas

A Apresentação

"Todos os espaços humanos não passam de reminiscências do abrigo original sempre acalentado da primeira esfera humana." (Rocca, 2007)

Como interpretação lúdica da pesquisa de tema 'Bolhas' utilizei as bolhas de sabão e suas característica de furta-cor, forma esférica e a alegria de brincar com tal como estímulo visual para o entendimento da proposta da pesquisa. Quem ler a pesquisa, além de deliciar-se com o vídeo, pode ter um ótimo estímulo à reflexão sobre sua ontologia mais profunda.

Se é tão legal brincar com bolhas com certeza a sua fragilidade e fugacidade a torna tão interessante e nos proporciona o seu momento mais belo: a beleza do estourar de uma bolha.

"Quem com seus próprios olhos vê a beleza na realidade já se entregou nos braços da morte." (Sloterdijk, 1998)

Ver beleza na morte! Eis uma beleza ilógica, ontológica e inquietante.

Apresentação da Teoria das bolhas

O Vídeo

Créditos: Produzido por Alan Nagatomo 2012; Equipamentos: Câmera Canon EOS T3i 600D, lente 45mm – 145mm, captura em 60 fps; Softwares: After Effects CS5, Premiére Pro CS5 e Twixtor (plugin).

"Eu quero, tio!"

O Relatório

Habitar a territorialidade física humana sugere habitar uma territorialidade íntima e por consequência, criar bolhas íntimas, cópias mal feitas da vivência uterina.

Na pesquisa elaborada descrevemos a criação de bolhas no território íntimo, formando espumas, e neste relatório, cujo objetivo é descrever as atividades deste projeto, demonstramos como fazer bolhas gigantes (físicas), neste caso pesquisa e relatório descrevem como humanos criam bolhas, em dimensões diferentes.

Como fazer bolhas de sabão gigantes!

Aprenda e divirta-se!

Créditos: Produzido por Alan Nagatomo 2012; Equipamentos: Câmera Canon EOS T3i 600D, lente 45mm – 145mm, captura em 60 fps; Softwares: Premiére Pro CS5.


Olhares do Projeto: